FANDOM



No Care (em português, "Nenhum cuidado") é um single da banda Daughter, de seu segundo álbum Not to Disappear. A música é tocada no segundo episódio de Life is Strange: Before the Storm, quando Chloe picha todo o banheiro depois de ter sido suspensa/expulsa da Academia Blackwell.

Letra Editar

Inglês
No one asks me for dances because I only know how to flail
I always hit like I'm drowning, dead arms around him
I'd rather stand still, hold tightly to the walls
No care, no care in the world
No care, no care in the world
I don't care, I don't care anymore
I don't care, I don't care
Love you in a panic because I prefer to sit on fences
Spit-kissing on my sickbed
I'm not searching for replacements
But we are like broken instruments
Twisted up and wheezing out the runnels
Sleepless folks watching light grow
Through their early morning windows
I don't care, I don't care anymore
I don't care, I don't care
Oh, I'm too drunk to fight, hurlings curses at your surface
Because I'm aware, because it hurts that I'm in love again
And you have kissed my neck so your arguments are insane
Fighting over the way something was said
Well, I'm still here like a cheap threat
No care, no care in the world
No care, no care in the world
I don't care, I don't care anymore
I don't care, I don't care
Oh, there has only been one time where we fucked
And I felt like a bad memory
Like my spine was a reminder of her
And you said that you felt sick
I was so heavy hearted, lying side-on with you afterwards
How I wanted you to promise we'd only make
How I wanted you to promise we'd only make
How I wanted you to promise we'd only make love
But my mouth felt like I was choking, broken glass
So I just slept it off
You see, my mouth felt like it could talk the end of us
So I just slept it off, slept it off
No care, no care in the world
No care, no care
I don't care, I don't care anymore
I don't care, I don't care
Ah, I'm too drunk to fight
I only wanted you to promise me we would only ever make love
But my mouth felt like I was choking, broken glass
So I just slept it off
Wanted you to promise me we would only ever make
Wanted you to promise me we would only ever make love

Tradução
Ninguém me chama pra dançar porque eu só sei me balançar
Sempre caio como se estivesse me afogando, braços dormentes em volta dele
Eu prefiro ficar parada, apoiando com força nas paredes
Não me importo, não me importo com o mundo
Não me importo, não me importo com o mundo
Eu não me importo, não me importo mais
Eu não me importo, não me importo
Te amo com pânico porque prefiro me sentar nas cercas
Fazendo oral na minha maca
Não estou procurando substitutos
Mas nós somos como instrumentos quebrados
Torcidos e chiando nos córregos*
Seres sem dormir assistindo ao sol nascer
Por suas janelas de manhã cedo
Eu não me importo, não me importo mais
Eu não me importo, não me importo
Oh, eu estou muito bêbada pra lutar, rogando pragas na sua superfície
Porque eu sei, porque dói estar apaixonada de novo
E você beijou meu pescoço, então suas brigas são estúpidas
Brigar pelo jeito que algo foi dito
Bem, eu ainda estou aqui como uma ameaça barata
Não me importo, não me importo com o mundo
Não me importo, não me importo com o mundo
Eu não me importo, não me importo mais
Eu não me importo, não me importo
Oh, houve apenas uma vez que nós transamos
E foi uma lembrança ruim
Como se a minha coluna me lembrasse dela
E você disse que se sentiu péssimo
Eu fiquei muito depressiva, deitada ao seu lado depois
Como eu queria que você prometesse que a gente só faria
Como eu queria que você prometesse que a gente só faria
Como eu queria que você prometesse que a gente só faria amor
Mas minha boca parecia estar sufocando, vidros quebrados
Então eu dormi
Você vê, minha boca poderia dizer que esse era o fim pra nós
Então eu só dormi, só dormi
Não me importo, não me importo com o mundo
Não me importo, não me importo
Eu não me importo, não me importo mais
Eu não me importo, não me importo
Oh, eu estou muito bêbada pra lutar
Eu só queria que você prometesse que a gente faria amor
Mas minha boca parecia estar sufocando, vidros quebrados
Então eu dormi
Queria que você prometesse que a gente só faria
Queria que você prometesse que a gente só faria amor

Interpretação Editar

Esta música pode ser interpretada como uma ânsia de Chloe em sair de vez da Blackwell por não ter mais interesse em estudar, após ter sofrido muito com a morte do seu pai, perdendo os seus objetivos e optando por outros caminhos, também se referindo à escola como "BlackHell". Se o jogador jogou o primeiro jogo, Life is Strange, notará que na realidade alternativa, Chloe continua com seus estudos, tendo um desempenho acadêmico excelente na Blackwell.

Vídeos Editar

Link Externo Editar

Navegação Editar