FANDOM


"Devia ser: "A vida é um teatro"."

— Chloe comentando um cartaz em "Despertar"

O Laboratório de Dramaturgia está localizado no térreo da Academia Blackwell ao lado do Laboratório de Fotografia. Ele consiste de uma grande sala destinada aos ensaios e uma sala pequena (identificada como 116 em Life is Strange) servindo como a área dos bastidores.

Episódio Um - "Despertar" Editar

Após entrarem na Academia Blackwell, Rachel Amber leva Chloe Price para o Laboratório de Dramaturgia, onde o professor Travis Keaton está ensaiando para a produção da escola da peça A Tempestade, de William Shakespeare, com seus alunos Dana Ward e Hayden Jones.

Rachel interromperá o ensaio para perguntar se sua roupa está melhor após sua mãe ter feito alguns ajustes, e é elogiada por todos. Dana irá expressar ao Sr. Keaton sua dúvida em relação a uma das falas de Miranda, sua personagem, dizendo não entender o que ela realmente sente por Ferdinando, o personagem de Hayden, que também mostra incerteza quanto a isso. Rachel pedirá a opinião de Chloe a fim de ter uma "nova perspectiva" sobre o assunto, e Chloe poderá dizer que o amor que Miranda sente por Ferdinando é verdadeiro ou que ela é muito ingênua e se apaixonar é estúpido.

Grafite Opcional Editar

  • Chloe pode "melhorar" o cartaz da A Tempestade na sala 116.

Interações Editar

Usuários de Computador: Passe o cursor pelo texto para ver os comentários da Chloe.

Sala de Teatro Editar

  • Ela pode olhar para um porta-lápis. (Comentário: Ei... compartilhar é se importar.):;:;:;
  • Ela pode olhar e usar o computador. (Comentário: Olhar: Conectar, ou não conectar...
    Usar: Por que o pessoal do teatro se leva tão a sério?)
    ;:
  • Ela pode olhar para um pôster. (Comentário: Com certeza, esse pôster diz... alguma coisa.);:
  • Ela pode olhar para um biombo. (Comentário: A R.A. vai ser uma Próspera de merda... Se a V.C. tivesse talento, talvez tivesse ficado com o papel.
    Talento? Até parece que o Sr. K te escalou por isso, sua piranha. Não me espanta ver tanto "drama"
    na sala de teatro.)
    ;
  • Ela pode escrever um comentário no biombo. (Comentário: O que dizer, o que dizer...
    Sua recalcada: Pegou o papel da vaca recalcada, ultrapassada e sem talento, V.C.!
    Falar mal de piranha: Falar mal de piranha é tão 2009. A V.C. deveria saber.)
    ;
  • Ela pode olhar para a mochila da Rachel. (Comentário: É a mochila mais maneira que eu já vi.);
  • Ela pode vasculhar a mochila da Rachel (necessário). (Comentário: Foto da Rachel com seu pai: A Rachel parece feliz aqui...
    Cinto da Rachel: Ah, o cinto da Rachel. Vou lá entregar isso pra ela agora.)
    ;
  • Ela pode olhar para um prato de arrecadar fundos. (Comentário: Acho que a doação dos Prescott não cobre isso aqui.);
  • Ela pode olhar para objetos cênicos. (Comentário: Se eu soubesse que atuar envolvia brincar com armas, super teria feito o teste pra Tempestade.);
  • Ela pode olhar para o pôster "Teatro é Vida". (Comentário: Devia ser: "A vida é um teatro".);
  • Ela pode olhar para um pôster do Pepe. (Comentário: Belo colar, Pepe.);


Vestiário Editar

  • Ela pode olhar para uma arara de roupas. (Comentário: Deve ter centenas de fantasias aqui. Será que eu sou a única aluna que não vai participar da peça?);
  • Ela pode olhar para um cartaz da A Tempestade. (Comentário: Rachel Amber. Atriz e... anjo da guarda? Ainda não acredito que era ela ontem à noite.);
  • Ela pode fazer um grafite no cartaz da A Tempestade. (Comentário: Auréola pra Rachel: Salvou minha vida, ganha um desenho.
    Chifres pro Nathan: Mais realista.
    Olhar após fazer o grafite: Ficou melhor, sem dúvida.)
    ;
  • Ela pode olhar para um bilhete colado no espelho. (Comentário: Às vezes, é preciso esquentar o clima.);
  • Ela pode olhar para outro bilhete no espelho. (Comentário: Deve ter sido... o Logan.);

Curiosidades Editar

MapaLifeIsStrange

Mapa da Academia Blackwell em Life is Strange

  • O Laboratório de Dramaturgia era chamado de Sala de Música no primeiro jogo, Life is Strange.
  • As falas de Hayden no Episódio 3 estão presentes no Ato 3, Cena 2, Páginas 2 - 3 de A Tempestade.
  • A fala de Dana, "Nesse caso, muito modestos são meus sentimentos; não ambiciono ver ninguém mais belo", está presente no Ato 1, Cena 2, Página 23.
  • Ao olhar para o computador na sala de teatro, Chloe diz, "Conectar ou não conectar...", fazendo referência à famosa frase da peça Hamlet de William Shakespeare, "Ser ou não ser, eis a questão."
  • Outras frases famosas de outras peças de Shakespeare podem ser vistas nas paredes do Laboratório de Dramaturgia, como "O mundo inteiro é um palco" e "Nós sabemos o que somos, mas não o que podemos ser."

Galeria Editar