FANDOM


A Tempestade, peça escrita por William Shakespeare, é um fio condutor de Life is Strange: Before the Storm.

Os acontecimentos na Academia Blackwell giram em torno da produção da peça A Tempestade durante os eventos do jogo. Há vários cartazes anunciando a peça ao redor do campus e um grande palco foi colocado em frente à entrada do campus principal. A peça acontece em um sábado, no dia 8 de maio de 2010, e é apresentada no Episódio 2: Admirável Mundo Novo.

Na peça, Rachel Amber interpreta Próspera, mesmo que o Diretor Wells tenha lhe tirado o papel mais cedo, e Chloe interpreta Ariel, pois a intérprete original Juliet Watson não pôde chegar a tempo do início da peça devido o Incêndio Florestal.

Informações do site oficial Editar

Elenco Editar

"Recém-chegada à Academia Blackwell, Rachel Amber impressionou a todos em seu teste com uma leitura emocionante de Blanche, da peça Um Bonde Chamado Desejo de Tennessee Williams. Seus outros interesses incluem atletismo, grupos de debate, campanhas de financiamento coletivo, história local e natureza. Rachel espera um dia abrilhantar os palcos da Broadway e as telonas de Hollywood."

"Um filho favorito da família mais antiga e influente de Arcadia Bay, Nathan espera que sua interpretação em "A Tempestade" seja mais um marco positivo no legado dos Prescott na Academia Blackwell. Interpretar Calibã foi um desafio para o aluno do segundo ano, que gosta de esportes, fotografia e sair com seus muitos amigos."

"Aluna do segundo ano, Dana já participou de outras duas produções da Academia Blackwell desde o primeiro ano do ensino médio. Ela gosta de futebol americano (torce para os Bigfoots), redes sociais e festas na escola. Ela espera entrar para o Clube Vortex quando estiver no terceiro ano."

"Esta apresentação marca a estreia de Hayden Jones no Clube de Teatro da Academia Blackwell. Ele fez o teste como parte de uma aposta e acabou descobrindo que adora atuar. Aluno do segundo ano, seus outros interesses incluem praticar esportes, cultivar "ervas" e caminhar na floresta."

"Os principais interesses de Juliet incluem jornalismo e ativismo social, mas ela está muito empolgada para estrear nesta temporada como Ariel, o poderoso e volúvel espírito que Próspera enfeitiçou para servi-la."


Equipe Editar

"Veterano da Broadway, Travis Wilbury Keaton atua na prestigiosa Academia Blackwell como diretor de dramaturgia, mentor e amigo. Ele espera que esta humilde versão da obra-prima de Shakespeare inspire a futura geração de líderes do país a buscar e conquistar grandes feitos, sem nunca se esquecer de seu lema: a arte pela arte."

  • Steph Gingrich – diretora de palco
  • Adam Glenn – equipe técnica
  • Gina Yao – equipe técnica
  • Stella Hill – equipe técnica
  • Jason Redford – equipe técnica
  • Brooke Scott – design de som
  • Evan Harris – cartaz/capa do programa

Simbolismo Editar

Mesmo com o título da peça sendo uma referência óbvia aos eventos iniciais do jogo original, Life is Strange, com a tempestade simbolizando o grande tornado visto logo no primeiro momento do jogo, o simbolismo vai mais longe. Em A Tempestade, um dos personagens principais, Miranda, se apaixona por Ferdinando. Porém, Próspero impede que os dois se encontrem; este era um segredo para fortalecer o amor deles. Isto poderia ser um paralelo com a história de Chloe e Rachel em que, quanto mais a sociedade insiste em afastá-las, mais unidas elas parecem ficar.

Teorias Editar

Em A Tempestade, o protagonista Próspero (mudado para Próspera na produção da Blackwell) possui vários poderes mágicos, incluindo a habilidade de controlar o vento e o clima. A peça começa com uma tempestade, invocada por Próspero com seu bastão mágico e o auxílio de seu "astuto" espírito servil, Ariel (interpretado por Chloe na produção da Blackwell). A frase do Sr. Keaton, "É mágico," evidencia esta alusão e fortalece a teoria de que a invocação do vento feita por Rachel para intensificar o fogo no Mirante seria uma manifestação de seus "poderes".

Conceito Editar

O co-diretor do jogo, Chris Floyd, disse em uma entrevista: "Quando eu penso na cena da A Tempestade no palco, que combina várias das nossas ideias e diálogos mais ambiciosos, não ter apenas esta cena de Shakespeare acontecendo no nosso jogo--sem alienar as pessoas--mas também escrever nossos próprios diálogos Shakesperianos nesta sequência improvisada, os trajes e muitas outras coisas. Eu penso nessa cena como um dos destaques do jogo."[1]

Curiosidades Editar

  • Na adaptação cinematográfica de 2010 da peça A Tempestade, a cineasta Julie Taymor escalou Helen Mirren para ser "Próspera", na versão feminina. Ariel foi interpretado por um homem, o ator britânico Ben Wishaw.
  • A performance de Hayden no Episódio 1 está presente no Ato III, Cena II, Página 2-3.
  • A fala de Dana, "Nesse caso, muito modestos são meus sentimentos; não ambiciono ver ninguém mais belo." está presente no Ato 1, Cena 2, Página 23.
  • Todos os títulos dos episódios de Before the Storm são referências à peça A Tempestade.
    • O título do primeiro episódio, "Despertar", deriva da fala de Próspero para Miranda no Ato 1, Cena 2, Página 14 de A Tempestade: "Acorda, coração, acorda! Dormiste bem. Acorda!"[2].
    • O título do segundo episódio, "Admirável Mundo Novo", deriva da fala de Miranda no Ato V, Cena I: "Ó, maravilha! Que adoráveis criaturas aqui estão! Como é bela a humanidade! Ó Admirável Mundo Novo que possui gente assim!" (5.1.215-218)
    • O título do terceiro episódio, "Inferno Vazio", deriva da fala de Ariel no Ato I, Cena II: "O inferno está vazio e todos os demônios estão aqui."
  • A conquista "Acorde, coração" ganhada pelo jogador ao completar o Episódio 1, é uma referência à mesma fala de Próspero de onde deriva o título do episódio.
  • A conquista "Ó, maravilha!" ganhada pelo jogador ao completar o Episódio 2, é uma referência à mesma fala de Miranda de onde deriva o título do episódio.
  • A conquista "Todos os demônios estão aqui" ganhada pelo jogador ao completar o Episódio 3, é uma referência à mesma fala de Ariel de onde deriva o título do episódio.
  • Uma das conquistas que o jogador pode ganhar no Episódio 1 se chama "Dramatis Personae", uma referência ao drama clássico. O termo, derivado do latim, se refere aos personagens (principais) de uma obra teatral em forma de lista, que normalmente aparece no início do texto da obra.

Galeria Editar

Referências Editar